Coronavírus

Autoridades de saúde vão avaliar proibição de fumar na rua

Jenny Kane

Para já, o conselho da ministra da Saúde é de “não fumar”.

Especial Coronavírus

Em Espanha, durante uma reunião de emergência do Governo, foi definida a proibição de fumar na rua quando não é possível garantir o distanciamento social. A decisão surgiu esta sexta-feira depois do país ter registado, na quarta-feira, o maior aumento diário de casos de Covid-19 desde o final de maio.

Questionada sobre a possibilidade de Portugal adotar uma medida semelhante, a ministra da Saúde explicou que as autoridades de saúde vão continuar a avaliar se esta se aplica ao contexto português, estando para já descartada.

No entanto, Marta Temido relembra que fumar é uma atividade que representa riscos para a saúde e que, por isso, deve ser evitada em qualquer contexto.

Portugal assiste a uma segunda vaga?

Na conferência de imprensa diária de balanço da Covid-19 em Portugal, a ministra rejeita ainda a ideia de uma segunda vaga da pandemia em Portugal. Marta Temido diz mesmo que o país atravessa uma situação de estabilidade.

Portugal com mais 2 mortes e 235 novos casos de Covid-19

A Direção-Geral da Saúde (DGS) anunciou esta sexta-feira a existência de 1.772 mortes e 53.783 casos de Covid-19 em Portugal, desde o início da pandemia.

O número de mortes subiu de 1.770 para 1.772, mais 2 do que na quinta-feira. Já o número de infetados aumentou de 53.548 para 53.783, mais 235.

O número de pessoas internadas é de 348, menos 10 do que na quinta-feira, e nos cuidados intensivos estão 41 pessoas, mais 2.

O número de doentes dados como recuperados de covid-19 voltou a aumentar nas últimas 24 horas para 39.374, mais 197 do que na quinta-feira.

LINKS ÚTEIS

  • 2:34