Coronavírus

Festa ilegal em Almancil. Dono do espaço diz que só o barulho justificou ação das autoridades

A GNR pôs fim à festa com mais de 200 pessoas, no Algarve.

Especial Coronavírus

A Guarda Nacional Republicana interrompeu no domingo uma festa ilegal com mais de 200 pessoas em Almancil, no Algarve, cujos promotores tinham sido advertidos para não realizarem o evento privado, promovido nas redes sociais.

O proprietário do espaço que acolheu a festa garantiu que tudo funcionava dentro das normas e que só o barulho justificou a ação das autoridades.

As autoridades justicam a medida com um parecer negativo da Direção-Geral de Saúde à realização do evento.