Coronavírus

Covid-19: Itália regista novos aumento diário de contágios

GIUSEPPE LAMI

Mais de 35 mil pessoas já morreram no país devido ao novo coronavírus.

Especial Coronavírus

Itália regista um novo aumento de contágios pelo novo coronavírus, ao contabilizar 845 novos casos nas últimas 24 horas, mais 203 em comparação com quarta-feira e o número mais alto desde meados de maio, divulgaram esta quinta-feira as autoridades italianas.

Em termos totais, e desde o início da crise pandémica no país, em 21 de fevereiro, Itália contabiliza 256.118 casos de pessoas que ficaram infetadas pelo novo coronavírus, segundo os dados do Ministério da Saúde italiano.

Atualmente, existem no país 16.014 casos ativos de infeção.

Em relação às vítimas mortais, o país confirmou mais seis mortes relacionadas com a doença covid-19 nas últimas 24 horas, o que representa que o número global de óbitos é, até à data, de 35.418.

ANGELO CARCONI

O aumento dos casos diagnosticados é acompanhado pela realização de mais testes em todo o território italiano, com as autoridades a indicarem que nas últimas 24 horas foram realizados 77.442 testes de diagnóstico, o que representou um aumento de cerca de 20 mil testes face ao dia anterior.

Outro número que aumentou em Itália é o dos doentes internados, que são neste momento 883, mais 17 em comparação com os dados de quarta-feira. Sem alterações em relação ao dia anterior, estão os internamentos em unidades de cuidados intensivos: 66 em todo o país.

A grande maioria dos casos positivos (15.063) são doentes que estão isolados nas respetivas casas com sintomas leves ou que estão assintomáticos.

Itália tenta travar focos de infeção

O Governo italiano está a tentar reduzir e travar os focos de infeção que têm sido verificados em diferentes zonas do país, sendo que a grande parte está a ser identificado como casos importados.

Nesse sentido, o país está a monitorizar as pessoas que chegam de países classificados como "de risco", nomeadamente Espanha, Grécia e Malta.

Um dos países europeus mais afetados pela atual pandemia, a Itália iniciou, em maio, um plano faseado de desconfinamento da população e uma retoma gradual da atividade económica, após mais de dois meses de confinamento.

Pandemia já fez mais de 787 mil mortes

A pandemia da doença covid-19 já provocou pelo menos 787.918 mortos e infetou mais de 22,4 milhões de pessoas em todo o mundo, desde dezembro, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

  • 15:42