Coronavírus

Robô que destrói coronavírus com luz ultravioleta em ação numa estação de Londres

Elimina a 100% bactérias e vírus.

Especial Coronavírus

Um robô que promete “destruir” o coronavírus através de luz ultravioleta já está a trabalhar numa das maiores estações de comboios de Londres – a St. Pancras International.

Como funciona?

Através da luz ultravioleta, este robô desinfeta superfícies e espaços sem necessitar de produtos químicos. É capaz de o fazer em áreas de grande dimensão e a sua tecnologia mata “a 100%” bactérias e vírus, incluindo o Sars-CoV-2, em poucos minutos.

“A nossa prioridade é repor a confiança dos passageiros. Somos a primeira estação de comboios a utilizar este tipo de tecnologia”, disse à Reuters Jay Newton, responsável pelas operações da ferrovia que liga Londres ao Eurotúnel.

A sua ajuda na desinfeção vai permitir que a equipa de limpeza da estação se foque na higienização de superfícies de “alto contacto” enquanto o robô fica responsável pela desinfeção de zonas “mundanas”.

O impacto da pandemia nos transportes públicos

Na terça-feira, o primeiro-ministro do Reino Unido pediu novamente aos britânicos que regressem ao teletrabalho sempre que possível e ordenou também a alteração do horário de encerramento de restaurante e bares para que fechem mais cedo, uma forma de tentar prevenir uma segunda onda da covid-19.

As novas medidas de restrição tiveram impacto nos transportes públicos, que voltam a ver uma diminuição no número de utilizadores. No ano passado, a estação de St. Pancras International era considerada a 9.ª mais movimentada do Reino Unido.

Veja também: