Coronavírus

"O nosso cansaço acaba por ser uma vantagem à transmissão do vírus"

Especial Coronavírus

Maria João Amorim, investigadora do Instituto Gulbenkian de Ciência, disse este domingo que atingir a marca de um milhão de mortes por covid-19 é "significativo", lembrando que a chegada do inverno vai trazer novos desafios.

Numa entrevista na SIC Notícias sobre a situação da pandemia em Portugal, referiu ainda que se deve evitar a todo o custo que haja um acumular das doenças respiratórias, apesar de não se saber como estas se vão coordenar entre si e se vão ou não ficar mais severas.

Contra a gripe, a vacinação e os comportamentos, como o distanciamento social e a higienização das mãos, podem fazer com que a doença tenha uma menor incidência.

Assim como esta e mesmo depois de meses passados desde o início da pandemia, continuam ainda muitas perguntas por responder, nomeadamente, que que tipo de sequelas poderão existir em pessoas que tiveram a infeção, se os casos de reinfeção se vão verificar em maior número, qual o papel das crianças na transmissão do vírus.

"Todas essas são questões extremamente importantes", lembrou a virologista.