Coronavírus

Tempos de espera para diagnósticos não Covid-19 aumentam com a pandemia

Associações pedem ao Governo para criar estrutura que garanta acesso ao SNS para os doentes sem Covid-19.

Especial Coronavírus

Os rastreios, consultas e exames de diagnóstico aos pacientes sem Covid-19 sofreram um atraso preocupante nos últimos mesess. Um exemplo são as doenças como o cancro digestivo ou as patologias no intestino. Num cancro que mata 11 pessoas por dia, o tempo de espera por uma colonoscopia estendeu-se para quase dois anos, devido à pandemia.

A EuropaColon de Portugal e a Associação Portuguesa da Doença Inflamatória do Intestino (APDII) apelam ao Governo que repense um Serviço Nacional de Saúde (SNS) que seja para todos.

O SNS não é só Covid. Não queremos de todo competir em termos de saúde com os doentes de Covid-19. O que nós queremos é fazer referência que os outros doentes também existem e que têm necessidade de se sentir seguros quando se deslocam ao hospital, disse Ana Sampaio, presidente da APDII

As associações defendem que seja criada uma estrutura multidisciplinar que avalie e defina circuitos seguros para que se possa garantir o acesso dos doentes sem Covid-19 ao SNS