Coronavírus

Autarquia de Gondomar adota novas medidas de combate à pandemia

Miguel Carlos Cabral

Miguel Carlos Cabral

Repórter de Imagem

Há 518 casos ativos no concelho.

Em três dias o número de casos positivos duplicou, são agora 518 ativos. A autarquia prepara-se para adotar medidas mais rígidas para evitar novos contagios.

A linha de testes Drive-In no Multiusos de Gondomar já foi reforçada para fazer face ao aumento do número de testes que estão a ser realizados.

A câmara de Gondomar vai também encerrar os cemitérios entre 30 de outubro e 2 de novembro, admite fechar passadiços e promete "caçar" a licença de estabelecimentos "incumpridores", devido à "duplicação de casos" de covid-19 no concelho, adiantou a autarquia.

Também os estabelecimentos comerciais e de restauração "serão monitorizados e, em caso de reincidência no incumprimento de horário, lotação ou regras de higiene, a câmara vai caçar a licença de utilização", garantiu o presidente da câmara, Marco Martins.

As decisões surgem após uma reunião "urgente" da Comissão Municipal de Proteção Civil de Gondomar, distrito do Porto, na qual também ficou decidido, com efeitos imediatos, encerrar os parques infantis, num total de 70 equipamentos.

Na reunião da Comissão Municipal de Proteção Civil de Gondomar também foi decidido monitorizar passadiços e parques urbanos e encerrá-los "se vier a considerar-se necessário por excessiva acumulação de pessoas".

Uso de máscara em todas as situações, incluindo via pública, higienização frequentemente as mãos, manutenção do distanciamento social de dois metros e fazer uso da etiquete respiratória" - são os lemas e mensagens que vão constar de apelos e ações de sensibilização que a Comissão Municipal de Proteção Civil de Gondomar decidiu intensificar.

  • O planeta em que todos vivemos

    Futuro Hoje

    O Planeta Lourenço terá que ser ainda mais simples e eficaz na mensagem. É um risco. Frequentemente, quando me mostram aparelhos ou programas as coisas falham, é o que chamo de síndrome da demonstração. Mas isto acontece na vida real, é assim que vamos fazer.

    Opinião

    Lourenço Medeiros