Coronavírus

F1 em Portugal. Lotação reduzida obriga organização a devolver valor dos bilhetes 

Governo reduziu a lotação para 27.500 espetadores.  

Especial Coronavírus

Haverá várias regras e forças de segurança para garantir distanciamento, mas a Direção-Geral de Saúde autorizou público no Grande Prémio de Fórmula 1, que se realiza este fim-de-semana, em Portimão.

Em vez dos habituais oito pontos de entrada, foram criadas 112 linhas para aceder às bancadas do circuito. Centenas de seguranças vão garantir o encaminhamento ordeiro até setores de 800 pessoas. Uma força da GNR foi destacada para evitar ajuntamentos logo nos parques de estacionamento.

A organização vai mais longe e aconselha os espetadores a deixarem as viaturas em Portimão Cerca de 70 autocarros vão circular em permanência em vias dedicadas até ao circuito, onde vão encontrar várias regras.

No pior momento da segunda vaga de covid-19, o número de espetadores foi limitado a 27.500, o que faz desta a maior audiência de qualquer espetáculo desportivo em Portugal desde o início da pandemia.