Coronavírus

Cascais compra excedentes e distribui por carenciados. A situação nas feiras e mercados

Maioria das feiras continua a realizar-se.

Especial Coronavírus

Com o recuo do governo, a maioria das feiras continua a realizar-se, uma vez que cabe às autarquias autorizar a realização.

Em Cascais, a autarquia decidiu não cobrar taxas e vai comprar todos os produtos alimentares que fiquem por vender. Os excedentes vão ser distribuídos por 4.500 famílias carenciadas.

Em Barcelos, a Câmara Municipal reduziu a lotação de 3 mil para 2 mil pessoas e reforçou as medidas de segurança da feira semanal.

Veja também: