Coronavírus

Covid-19. Prisão feminina de Tires está em quarentena

Oito guardas prisionais testaram positivo, mas não se sabe quantas reclusas estão infetadas.

Especial Coronavírus

A prisão feminina de Tires foi colocada em quarentena depois de terem sido detetados casos positivos de Covid-19 entre reclusas e guardas prisionais.

As portas da cadeia foram fechadas às visitas e há dois pavilhões inteiros que estão de quarentena. As reclusas estão em isoladas em selas, onde são alimentadas e medicadas, só saindo para o pátio de forma alternada e, no máximo, durante duas horas por dia.

Pelo menos oito guardas prisionais testaram positivo à Covid-19. O número de reclusas infetadas ainda não é conhecido. Sabe-se que duas foram transferidas para o hospital prisão de Caixas, onde já não há camas disponíveis.

As outras reclusas contaminadas estão a ser transferidas para a prisão feminina de Santa Cruz do Bispo, em Matosinhos, o que implica uma deslocação de mais de 200km.

Os serviços prisionais e as autoridades de saúde temem que o número de casos ativos de Covid-19 aumente noutras cadeias do país. Nesta altura há 65 funcionários prisionais e 28 reclusos infetados.

Desde o início da pandemia registaram-se cerca de 200 casos de Covid-19 nas prisões portuguesas.

Veja também:

  • 3:09