Coronavírus

Covid-19. França ultrapassa os 60 mil casos diários

IAN LANGSDON

Ainda nas últimas 24 horas, houve 405 mortes devido à covid-19 no país.

Especial Coronavírus

A França registou esta sexta-feira 60.486 casos confirmados de covid-19 nas últimas 24 horas, um novo recorde desde o início da pandemia e que eleva o total de casos confirmados no país para 1.661.853, segundo as autoridades francesas.

Ainda nas últimas 24 horas, houve 405 mortes devido à covid-19 no país e 423 mortos suplementares nos últimos quatro dias lares de terceira idade, segundo as autoridades francesas.

O número de vítimas nos lares de terceira idade é atualizado apenas de quatro em quatro dias, não sendo assim representativo do número de mortes diárias. Desde o início da pandemia, já faleceram nos hospitais e nos lares 39.865 pessoas devido ao vírus no país.

No total, há 28.979 pessoas em França hospitalizadas devido à covid-19 e 4.331 desses pacientes estão em unidades de cuidados intensivos.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 1,2 milhões de mortos em mais de 48,7 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Hospitais mais pressionados começam a transferir doentes

A situação nos hospitais franceses é grave: 85% das camas de cuidados intensivos estão ocupadas por doentes com Covid-19.

Com mais de quatro mil pessoas internadas nos cuidados intensivos, França intensifica os esforços para evitar a saturação do serviço de saúde.

Os hospitais em maior pressão já começaram a transferir doentes para regiões menos afetadas. Até quinta-feira, 61 doentes em estado grave tinham sido já transferidos. Ao mesmo tempo, são cada vez mais as cirurgias a sofrerem adiamentos.

Uma situação que tende a piorar, uma vez que os números continuam a subir de dia para dia.

Com este cenário, começa a levantar-se a dúvida se o confinamento não poderá estender-se até ao Natal. Vários especialistas começam a não dar grandes esperanças aos franceses.