Coronavírus

Metade da corporação de bombeiros de Manteigas inoperacional devido à Covid-19

Equipas vizinhas vão ajudar no socorro e transporte de doentes.

Especial Coronavírus

Metade dos bombeiros de Manteigas está inoperacional devido à Covid-19. Alguns estão infetados e outros em isolamento profilático. A corporação já pediu ajuda a equipas vizinhas para assegurar o transporte de doentes ao fim-de-semana.

Sete dos 14 elementos dos bombeiros de Manteigas estão temporariamente fora do corpo ativo, porque quatro estão infetados e três estão em isolamento profilático por terem tido contacto próximo com os colegas.

O trabalho de socorro só não fica comprometido porque é possível trabalhar em rede.


Ao caso de Manteigas juntam-se dois elementos da corporação de Gonçalo onde dois bombeiros testaram positivo e mais dois na Guarda. O número de infetados é residual num universo de quase 2300 bombeiros no distrito, mas há associações que ponderam já a aquisição de testes rápidos.

O aumento de despesa com equipamentos de proteção individual é cada vez maior e daí o novo pedido de auxílio ao Ministério da Administração Interna, subscrito por quem, a par dos profissionais de saúde, também está na linha da frente na luta contra a Covid-19.

  • 0:43