Coronavírus

Covid-19 em Espanha. Número de novos casos abaixo dos 8 mil nas últimas 24 horas

ENRIC FONTCUBERTA

O nível de incidência acumulada em Espanha continua a descer.

Saiba mais...

A Espanha registou nas últimas 24 horas 7.955 novos casos de covid-19, elevando para 1.720.056 o total de infetados até agora no país, segundo números divulgados pelo Ministério da Saúde espanhol.

As autoridades sanitárias também contabilizaram mais 325 mortes atribuídas à covid-19, passando o total de óbitos para 47.344.

O nível de incidência acumulada (pessoas contagiadas) em Espanha continua a descer, sendo esta quinta-feira de 188,7 casos diagnosticados (menos cinco do que na segunda-feira) por 100.000 habitantes nos últimos 14 dias, sendo as regiões com os níveis mais elevados a do País Basco (278,0), Cantábria (257,1), Astúrias (250,5) e La Rioja (250,0).

"A evolução é boa, mas ainda não estamos numa fase que nos tranquilize", disse hoje o epidemiologista chefe do Ministério da Saúde espanhol, Fernando Simon, reconhecendo que "a boa evolução está a permitir reduzir a sobrecarga" nas unidades hospitalares.

Nas últimas 24 horas, deram entrada nos hospitais 1.089 pessoas com a doença, das quais 166 na Catalunha, 164 em Madrid e 153 na Andaluzia.

Em todo o país há 11.965 pessoas hospitalizadas com a covid-19 (menos um milhar do que na quarta-feira), o que corresponde a 9,64% das camas, das quais 2.158 pacientes em unidades de cuidados intensivos (menos quase 300), o que corresponde a 22,44% das camas desse serviço, números que estão a decrescer há várias semanas.

O Instituto Nacional de Estatística (INE) espanhol revelou esta quinta-feira que mais de 45.000 pessoas morreram ou suspeita-se que tenham morrido de covid-19 até maio último em Espanha, cerca de 18.000 mais do que o número de mortes associadas à doença fornecido pelas autoridades nacionais.

Dentro do grupo das doenças infecciosas, a covid-19 foi a causa de morte mais frequente entre janeiro e maio de 2020, com 32.652 óbitos com o vírus "identificado" e 13.032 registadas com "suspeita" do vírus.

As estatísticas confirmam que nenhuma morte provocada pelo novo coronavírus foi certificada em Espanha entre janeiro e fevereiro, enquanto abril, com 26.305 casos (18.178 identificados e 8.127 suspeitos), foi o mês com a maior mortalidade devido a esta doença.

A pandemia de covid-19 provocou pelo menos 1.570.398 mortos resultantes de mais de 68,8 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 5.278 pessoas dos 335.207 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.