Coronavírus

Covid-19. Rússia com mais 28 mil novas infeções e 560 mortes

Maxim Shemetov

A Rússia é o quarto país do mundo com mais infeções de covid-19, atrás dos Estados Unidos, Índia e Brasil.

Saiba mais...

A Rússia registou, nas últimas 24 horas, 28.137 novos casos de infeção pela covid-19 e 560 mortes provocadas pela doença, segundo as autoridades locais.

As novas infeções foram detetadas em todas as 85 regiões do país, de acordo com o centro operacional para a gestão da pandemia.

Com este último balanço, o número de casos confirmados no país aumentou para 2.625.848 e o de óbitos para 46.453.

De todas as regiões da Rússia, o maior aumento de casos novos continua a ser registado na capital, Moscovo, onde no último dia 6.622 infeções e 76 mortes foram registadas.

Em segundo lugar, em número de infeções, está São Petersburgo (3.776), seguido pela região de Moscovo (1.393).

O presidente da câmara de Moscovo, Sergei Sobianin, voltou hoje a descartar a possibilidade de ser imposto um severo confinamento na cidade, embora reconhecesse que este método de combate à doença covid-19 se mostre eficaz em outros países, como a China.

"É um método eficaz, mas não se aplica a Moscovo", disse o autarca da capital russa, em comunicado à televisão pública do país, citado pela agência EFE.

A Rússia é, neste momento, o quarto país do mundo com mais infeções de covid-19, atrás dos Estados Unidos, Índia e Brasil.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 1,5 milhões de mortos em todo o mundo, desde dezembro, dos quais 5.373 em Portugal.