Coronavírus

Covid-19 no mundo. Índia quer vacinar 300 milhões até agosto

A China aprovou e começou a administrar a vacina desenvolvida pela farmacêutica estatal.

Saiba mais...

A vacinação contra a covid-19 continua a ser a grande batalha a nível mundial. A Índia, que quer vacinar 300 milhões de cidadãos até agosto, aprovou a distribuição da vacina da AstraZeneca e da Oxford.

A campanha nacional de vacinação arranca em breve e pelo menos três vacinas esperam a aprovação para começarem a circular no país. A da AstraZeneca e da Oxford está a ser produzida localmente, num instituto indiano.

Na China, as autoridades garantem que já andam a vacinar desde julho, mas só agora é que a vacina desenvolvida por uma farmacêutica estatal foi aprovada e começou a ser injetada. O país planeia vacinar 50 milhões até ao ano novo chinês, que se inicia em fevereiro.

Os Estados Unidos não foi possível garantir a vacinação de 20 milhões de cidadãos até ao último dia do ano passado. Esse era o objetivo do Governo, no entanto, apenas 3 milhões de americanos receberam a vacina até ao fim de 2020. A distribuição tem sido descrita como caótica, mas o pessoal médico lembra que a pressão tem sido imensa.

Os governantes do Japão querem que o Governo declare o estado de emergência devido à subida do número de infetados que, por agora, está num total de mais de 238 mil.