Coronavírus

Portugal com mais 78 mortes e 4.369 casos de covid-19 nas últimas 24 horas

Armando Franca

O último balanço da DGS.

Especial Coronavírus

Portugal contabiliza esta segunda-feira mais 78 mortes relacionadas com a covid-19 e 4.369 novos casos de infeção com o novo coronavírus, segundo o relatório diário da Direção-Geral da Saúde (DGS).

Desde o início da pandemia, Portugal já registou 7.196 mortes e 431.623 casos de infeção pelo vírus SARS-CoV-2, estando esta segunda-feira ativos 80.008 casos, mais 2.407 em relação a domingo.

Quanto aos internamentos hospitalares, o boletim epidemiológico da DGS revela que estão internadas 3.171 pessoas, mais 127, e 510 em cuidados intensivos, mais 10 face a ontem.

As autoridades de saúde têm em vigilância 94.749 contactos, mais 355 relativamente a domingo.

O boletim revela ainda que mais 1.884 casos foram dados como recuperados. Desde o início da epidemia em Portugal, em março, já recuperaram 344.419 pessoas.

DADOS POR REGIÃO

Relativamente às 78 mortes registadas nas últimas 24 horas, o boletim revela que 33 ocorreram em Lisboa e Vale do Tejo, 18 na região Norte, 15 na região Centro, 10 no Alentejo, uma no Algarve e uma na Madeira.

Segundo o boletim da DGS, a região Norte foi a que registou o maior número de novas infeções por SARS-CoV-2 nas últimas 24 horas (3.279).

Desde o início da pandemia a região Norte registou 216.601 casos de infeção e 3.279 mortes. Na região de Lisboa e Vale do Tejo foram notificadas 2.512 novas infeções, contabilizando-se até agora 139.957 casos e 2.512 mortes. Na região Centro registaram-se mais 644 casos, acumulando um total de 50.891 infeções e 1.045 mortos.

Já no Alentejo, foram assinalados mais 383 casos, totalizando 12.066 infeções e 249 mortos desde que começou a epidemia em Portugal. A região do Algarve tem hoje notificados 188 novos casos, somando 8.336 infeções e 74 mortos.

A Madeira registou 58 novos casos. Desde março, esta região autónoma contabiliza 1.754 infeções e 15 mortes. Na Região Autónoma dos Açores foram registados 89 novos casos nas últimas 24 horas, somando 2.018 infeções e 22 mortos.

DADOS POR GÉNERO E FAIXA ETÁRIA

Os casos confirmados distribuem-se por todas as faixas etárias, situando-se entre os 20 e os 59 anos o registo de maior número de infeções.

O novo coronavírus já infetou em Portugal pelo menos 194.074 homens e 237.397 mulheres, referem os dados da DGS, segundo os quais há 152 casos de sexo desconhecido, que se encontram sob investigação, uma vez que estes dados não são fornecidos de forma automática.

Do total de vítimas mortais, 3.748 eram homens e 3.448 mulheres.

O maior número de óbitos continua a concentrar-se nos idosos com mais de 80 anos, seguido das pessoas com idade entre os 70 e os 79 anos.

Detetado casos de nova estirpe de covid-19 em Portugal, mas não há motivos para alarme

O Instituto Ricardo Jorge detetou 16 casos da nova variante do SARS-CoV-2 em Portugal Continental. A nova estirpe, que não é mais grave, nem mais letal, foi encontrada em dezembro na Madeira.

A variante detetada no Reino Unido não é mais grave que a anterior, mas é mais contagiosa e pode ser combatida com a vacina.

Arranca a vacinação contra a covid-19 nos lares de idosos

Depois de se ter iniciado o processo no dia 27 de dezembro com a administração da primeira dose da vacina da Pfizer-BioNTech a profissionais de saúde, a ministra da Saúde, Marta Temido, tinha assegurado que a primeira fase da campanha de vacinação iria alargar-se aos lares situados nos 25 concelhos em risco extremo de incidência da covid-19, de acordo com os dados mais recentes da Direção-Geral da Saúde (DGS).

Em causa estão, assim, os municípios com uma taxa de incidência superior a 980 casos por 100 mil habitantes nos últimos 14 dias, numa lista que deverá ser novamente atualizada esta segunda-feira pela DGS.

De acordo com Marta Temido, 11 concelhos estão integrados na Administração Regional de Saúde (ARS) do Norte, oito na ARS do Alentejo, cinco na ARS do Centro e um na ARS de Lisboa e Vale do Tejo, explicando ainda que "são cerca de 150 estruturas residenciais para idosos e da rede de cuidados continuados" que vão ser abrangidas nesta nova etapa.

Para a próxima semana está já prevista a extensão da vacinação em lares de idosos dos outros concelhos.

Portugal recebeu até ao momento 79.950 doses da primeira vacina aprovada pela Agência Europeia do Medicamento (EMA) e pela Organização Mundial de Saúde (OMS) contra o novo coronavírus.

Para as próximas quatro semanas são esperadas outras remessas de dimensão similar da Pfizer, sendo que o calendário da primeira fase de vacinação deve prolongar-se até ao mês de abril.

LINKS ÚTEIS

MAPA COM OS CASOS A NÍVEL GLOBAL

  • 2:34