Coronavírus

Passageiro que viajou infetado para os Açores enfrenta queixa por crime de propagação de doença 

Homem saiu de Lisboa com teste positivo.  

Saiba mais...

O Governo Regional dos Açores avançou com uma queixa no Ministério Público contra um passageiro que viajou infetado com o novo coronavírus, de Lisboa para a ilha do Faial.

O homem sabia que estava infetado. O resultado positivo foi conhecido no teste feito antes do embarque.

As autoridades de saúde admitem ter existido uma falha no aeroporto da capital e avançam para os tribunais. Em causa está o crime de propagação de doença contagiosa.

O caso não é único e já aconteceu com outros passageiros que entraram ou saíram da região.

  • O cartão amarelo que não se percebe 

    Opinião

    Despir a camisola aquando da celebração de um golo é proibido pelas leis de jogo. Penso que toda a gente sabe disso. Aliás, basta apenas que um qualquer jogador cubra a cabeça usando essa peça de equipamento para ser sancionado.

    Duarte Gomes