Coronavírus

Mais 300 famílias passaram a depender da ajuda do Banco Alimentar desde o início do ano no Algarve

Com a pandemia a instituição viu aumentar em 74 % os alimentos distribuídos na região.

Saiba mais...

Desde o início do ano, e sobretudo depois do confinamento, mais de 300 famílias passaram a precisar de ajuda do Banco Alimentar no Algarve.

Com a pandemia, a instituição viu aumentar em 74 % os alimentos distribuídos na região. Só no ano passado, entre abril e dezembro, foram distribuídos pelo Banco Alimentar no Algarve quase três milhões e meio de euros em alimentos e mais de dez mil novas famílias passaram a precisar desta ajuda.

Numa região muito dependente do turismo, há receio de que os números de novos carenciados continuem a subir.