Coronavírus

Covid-19. GNR encerra festa ilegal com 17 pessoas em Rio Maior

GNR

Todos os participantes foram "encaminhados para os respetivos domicílios".

Saiba mais...

A GNR encerrou uma festa ilegal com 17 pessoas que decorria num antigo estabelecimento em Rio Maior, distrito de Santarém, informou este domingo o comando territorial local.

Em comunicado de imprensa, o Comando Territorial de Santarém da GNR afirma que "através do posto territorial de Rio Maior" encerrou a festa ilegal que decorria na sexta-feira naquele concelho, "na sequência de uma denúncia".

"Os militares da Guarda deslocaram-se de imediato para o local, tendo verificado que, para além de se tratar de um evento não autorizado, os participantes não respeitavam o dever geral de recolhimento domiciliário", refere o texto enviado às redações.

A GNR adianta ainda que foram identificadas 17 pessoas, posteriormente "encaminhadas para os respetivos domicílios".

"Face ao incumprimento do dever geral de recolhimento domiciliário e à inobservância das regras de realização de eventos, foram elaborados os respetivos autos de contraordenação", acrescenta a GNR.

A ação contou com o reforço do Destacamento de Intervenção de Santarém, segundo aquela força policial.