Coronavírus

Em 2019 encontrou na Grécia o trabalho com que sonhou, mas a pandemia fez com que o perdesse

A história de uma portuguesa a viver em Atenas desde dezembro de 2019.

Saiba mais...

Cláudia Vasconcelos está na Grécia há pouco mais de um ano, mudou-se para a Atenas em dezembro de 2019. Em dois meses arranjou o trabalho com que sonhou em organização de eventos e noutros dois meses perdeu-o.

Na Grécia o recolher obrigatório é às 21:00 durante a semana e às 18:00 ao fim de semana. A economia tem-se ressentido e as manifestações já começaram. O confinamento geral deverá prolongar-se pelo menos até ao próximo domingo.


  • O bicho homem em quatro episódios

    Opinião

    Gostava muito de partilhar o otimismo de Attenborough e de Bregman. Mas depois há episódios como o da Superliga. Ou o das vacinas concentradas no hemisfério Norte. E a esperança esvai-se. Como as superfícies geladas do Ártico no verão.

    Cristina Figueiredo