Coronavírus

Hospital da Feira reabre todos os blocos operatórios na próxima segunda-feira

Eurico Bastos

Eurico Bastos

Repórter de Imagem

Número de internados com covid-19 no Hospital de Santa Maria da Feira é agora cinco vezes inferior ao registado no pico desta terceira vaga.

Saiba mais...

No pico desta terceira vaga chegou a ter 151 doentes covid internados em enfermarias e mais 28 em cuidados intensivos. Agora, o número é cinco vezes inferior, no Centro Hospitalar de Entre o Douro e Vouga, em Santa Maria da Feira.

O hospital chegou a ter cinco enfermarias covid completamente lotadas. Ainda recebeu uma dezena de doentes da região de Lisboa, encaminhados pelos Hospitais Beatriz ângelo e Garcia de Orta. A maioria já teve alta ou regressou aos hospitais da capital.

Aliviados os números da covid, o hospital começa a focar-se de novo nos restantes doentes. É aí que está agora a prioridade, no retomar da atividade cirúrgica, a área mais afetada durante as últimas semanas.

A partir de segunda-feira, os blocos operatórios estarão em pleno funcionamento. Mas a lista de espera para cirurgias e para consultas externas também diminuiu, porque os doentes não estão a ser referenciados pelos serviços de saúde primários.

Agora, o pior parece já ter passado, mas na segunda vaga também se pensou o mesmo.

É preciso estar preparado em todos os serviços hospitalares. Na urgência, a procura diminuiu cerca de 40% em 2020.Mas a experiência já mostrou que quando reduz a pressão de doentes covid, aumenta a pressão dos restantes doentes.

  • 2:33