Coronavírus

Universidade de Aveiro sem casos ativos de covid-19 pela primeira vez desde o início do ano letivo

Eurico Bastos

Eurico Bastos

Repórter de Imagem

Comunidade académica registou uma morte e quase 650 casos desde outubro.

Saiba mais...

Os primeiros casos surgiram assim que arrancou o ano letivo. A 6 de outubro, a Universidade de Aveiro recebia os caloiros e a 7 confirmava logo os primeiros 15 casos de covid-19 entre os alunos.

Desde então, todos os dias, a reitoria envia uma informação por e-mail a informar a comunidade académica acerca dos casos confirmados de infecção por Sars-CoV-2 na Universidade.

Há uma semana que não surgem novos casos e neste domingo, teve alta o último caso positivo. Assim, chega a zero o número de casos ativos por covid-19 atualmente na Universidade de Aveiro, um patamar mais fácil de atingir desde que começou o novo confinamento e as aulas passaram totalmente para o online.

Desde outubro, a Universidade contabilizou cerca de 650 infeções entre alunos, professores e funcionários e registou ainda uma morte.

O pico de infeções foi atingido na primeira quinzena de janeiro.

Aos alunos já foi comunicado que o regime de ensino à distância vai manter-se, pelo menos, até 26 de março.