Coronavírus

4ª vaga da pandemia? "Não estamos livres disso", avisa Graça Freitas

Diretora-geral da Saúde alerta para o surgimento de novas variantes e lembra que ainda não há certezas sobre a duração da imunidade.

Saiba mais...

A diretora-geral da saúde rejeita a ideia de que o pior já passou e admite uma quarta vaga da pandemia em Portugal.

Graça Freitas lembra que ainda não é certo por quanto tempo se fica imune ao vírus depois de tomar a vacina e diz que é preciso ter em conta o surgimento de novas variantes.

"O vírus sofre mutações e o conjunto dessas mutações dá origem a novas variantes. Não estamos livres disso, apesar da vacina. E ainda há muitas incógnitas sobre a vacina. Não sabemos quanto tempo vai durar a imunidade, se a atual composição das vacinas vai proteger contra novas variantes ou como vai funcionar a imunidade natural", explicou a responsável da Direção-Geral da Saúde em entrevista à RTP3.

  • 2:33