Coronavírus

EUA nomeiam coordenadora para luta mundial contra coronavírus

Al Drago

Gayle Smith participou de programas de combate ao ébola, paludismo, tuberculose e HIV.

Saiba mais...

O secretário de Estado norte-americano, Antony Blinken, anunciou esta terça-feira a nomeação de uma coordenadora para luta mundial contra coronavírus, prometendo que os Estados Unidos "irão fazer muito mais" pela vacinação global.

"Estamos a explorar opções para compartilhar mais [vacinas] com outros países no futuro. Acreditamos que podemos fazer muito mais", disse o chefe da diplomacia norte-americana, indicando que o alcance das metas de vacinação internas permite apoiar campanhas de países mais atrasados.

Blinken anunciou a nomeação de Gayle Smith como coordenadora dos Estados Unidos para a luta global contra o coronavírus e para a segurança sanitária.

Ex-responsável da Agência norte-americana para o Desenvolvimento Internacional USAID, Smith participou de programas de combate ao ébola, paludismo, tuberculose e HIV.

Numa altura em que China e Rússia são criticadas por impor condições à disponibilização de vacinas contra a covid-19, Blinken rejeitou "trocar vacinas por favores políticos".

"Vamos tratar os nossos parceiros com respeito", frisou o secretário de Estado norte-americano, sem mencionar explicitamente os dois países rivais.

Veja também:

  • Regresso ao futuro

    Opinião

    "Queremos assegurar que os novos líderes estão unidos por um conjunto de valores que torna claro que a liderança não é sobre ego" (David Simas, Presidente da Fundação Obama)

    Germano Almeida