Coronavírus

Aeroporto da Madeira prepara-se para usar cães na deteção de pessoas com covid-19

Pedro Santos

Pedro Santos

Editor de Imagem

O arquipélago quer conter a propagação do vírus.

Saiba mais...

Dois cães farejadores podem vir a ser usados para detetar pessoas com covid-19 na Madeira. A medida faz parte de um projeto piloto que deve começar por ser implementado no aeroporto.

Caso seja bem sucedido, pode levar à suspensão da obrigatoriedade de apresentar testes negativos, uma medida que está em vigor na região desde julho do ano passado.

Com cerca de 260 mil habitantes, o arquipélago da Madeira já registou mais de oito mil casos de infeção por covid-19.