Coronavírus

Vários estabelecimentos multados em fiscalizações da ASAE a esplanadas

Em Aveiro, os empresários estão revoltados e temem novas multas. 

Saiba mais...

A ASAE já multou vários estabelecimentos com esplanadas desde a reabertura destes espaços, com coimas de dois mil euros. Em Aveiro, os empresários estão revoltados e temem novas multas.

Com o horário reduzido ao fim-de-semana e previsão de chuva para os próximos dias, os donos das esplanadas de Aveiro estão apreensivos. Dizem que é impossível controlar permanentemente as distâncias entre cadeiras e o comportamento dos clientes e, por isso, temem voltar as ser autuados em futuras intervenções da ASAE.

Aveiro foi uma das 19 cidades fiscalizadas pela operação esplanada segura da ASAE, que resultou na instauração de 21 processos de contraordenação.

Os empresários do sector estão revoltados e sentem-se desconfortáveis com as regras. Mesmo os que não foram autuados defendem que a fiscalização das brigadas da ASAE deveria ter tido um cariz pedagógico. As coimas de dois mil euros representam um duro golpe depois de um confinamento de dois meses sem faturação.

  • Confidentes de alunos e cúmplices de professores: o braço contínuo

    País

    Chamam-lhes “funcionários” porque funcionam. A expressão até parece sugerir que eles são os únicos que “funcionam”, dentro de uma escola. Acalmem-se os tolos. Significa apenas que os “assistentes operacionais”, ou “auxiliares de ação educativa”, títulos mais pomposos do que “contínuos” – expressão que estimo muito - são pau para toda a colher.

    Opinião

    Rui Correia

  • O planeta em que todos vivemos

    Futuro Hoje

    O Planeta Lourenço terá que ser ainda mais simples e eficaz na mensagem. É um risco. Frequentemente, quando me mostram aparelhos ou programas as coisas falham, é o que chamo de síndrome da demonstração. Mas isto acontece na vida real, é assim que vamos fazer.

    Opinião

    Lourenço Medeiros