Coronavírus

Covid-19. França abre vacinação a todos os adultos para não desperdiçar doses

A Alemanha quer vacinar todos os adolescentes até ao final de agosto.

Saiba mais...

França vai disponibilizar as vacinas que sobram a toda a população adulta, sem limite de idade. A medida entra em vigor na próxima semana e tem como objetivo não desperdiçar doses e aumentar o ritmo de vacinação.

Foi um dos países europeus mais lentos a arrancar com a campanha, mas agora a França quer ter, até ao final do mês, um terço da população com pelo menos uma dose. A partir da próxima semana, quem tem 50 anos ou mais passa a ser prioritário. Qualquer um pode ficar com as marcações que sobrem.

A Alemanha quer vacinar todos os adolescentes a partir dos 12 anos até ao final do mês de agosto. Para isso, aguarda a autorização do regulador europeu. O Governo alemão também planeia abrir a vacinação com a AstraZeneca a toda a população adulta.

Esta quinta-feira o Parlamento aprovou um alívio de medidas para as pessoas que já foram vacinadas. A lei que prevê isenção de quarentena e recolher obrigatório tem ainda de passar pela Câmara Alta e, se for aprovada, pode entrar em vigor já este fim de semana.

O Brasil está perto dos 15 milhões de infetados. Há um mês e meio que morrem mais de duas mil pessoas por dia.

Jair Bolsonaro, que está a ser investigado pela gestão da pandemia e pela promoção de Cloroquina, voltou a criticar quem se opõe ao medicamento com ineficácia já comprovada. Declarações proferidas depois de um ex-ministro da Saúde o ter acusado de querer incluir na bula a indicação para o tratamento da covid-19.

Na Ásia, o Governo do Nepal diz que a pandemia está incontrolável e pediu ajuda internacional urgente. Nos hospitais faltam já camas. Esta semana registou-se o maior aumento de casos: cerca de nove mil num só dia. É o reflexo de uma nova vaga que chegou através da fronteira com a Índia.

  • 1:21