Coronavírus

Negacionista hospitalizado com covid-19 depois de dizer que vacinas vão matar "pessoas estúpidas"

02.06.2021 09:56

TruNews

"Muitas pessoas estúpidas serão mortas. Se a vacina acabar com muitas pessoas estúpidas, bem, teremos um mundo melhor", afirmou, há menos de um mês.

Rick Wiles, apresentador de um programa de direita e anti vacinação contra o coronavírus, foi hospitalizado com covid-19, depois de dizer que as vacinas acabariam com as "pessoas estúpidas".

No fim de semana, o seu site, TruNews, anunciou que o norte-americano estava infetado e que tinha sido hospitalizado para receber oxigénio.

Segundo o jornal britânico The Independent, há menos de um mês, o apresentador disse que não seria vacinado porque acreditava que as vacinas estavam a ser usadas para o "genocídio", para matar milhões de pessoas.

"Não vou ser vacinado", disse.

"Eu vou ser um dos sobreviventes. Vou sobreviver ao genocídio. A única coisa boa que vai sair disso é que muitas pessoas estúpidas serão mortas. Se a vacina acabar com muitas pessoas estúpidas, bem, teremos um mundo melhor".

O website suspendeu as transmissões na semana passada, depois de anunciar que havia uma “vaga de gripe e covid-19" em alguns funcionários e respetivas famílias.

Entretanto, anunciou que Lauren Witzke, uma candidata republicana ao Senado em Delaware, no ano passado, irá ocupar e coapresentará o programa noturno nas próximas duas semanas.

Ainda de acordo com o The Independent, que cita o Daily Beast, Lauren Witzke promoveu teorias de conspiração relacionadas a QAnon, antissemitismo e 11 de setembro.

Veja também:

Últimas Notícias