Coronavírus

Rui Rio dá razão a Angela Merkel e PS acusa-o de falta de coerência

Em causa as declarações da chanceler alemã sobre a entrada de britânicos em Portugal.

Saiba mais...

Rui Rio diz que as declarações de Angela Merkel sobre a entrada de turistas britânicos em Portugal são uma vergonha desnecessária para o país e dá razão à chanceler alemã. O presidente do PSD acabou por ser criticado pelos socialistas, que o acusam de falta de coerência.

No Twitter, Rui Rio escreveu que não bastava o país ter sido tratado com desconsideração pelo Reino Unido e ainda teria de ouvir a justa indignação da chanceler alemã. Publicação a que a líder da bancada parlamentar do PS reagiu pouco depois, também através das redes sociais.

Acusando o PSD de incoerência, por agora condenar algo que antes defendeu. Ana Catarina Mendes refere-se à posição do PSD a 14 de maio, quando Cristóvão Norte apareceu numa conferência de imprensa no Parlamento a criticar ao Governo.

Já depois de Londres ter colocado Portugal fora da lista verde, o deputado disse à BBC que não entendia as razões da decisão, considerando-a injusta para o país e reforçando que não existia uma alteração significativa na situação pandémica em Portugal.

Esta terça-feira a chanceler alemã, acompanhada de Ursula Von der Leyen, sublinhou o mau exemplo de Portugal. Merkel tem a Alemanha sob fortes medidas restritivas ao nível da circulação e permissão de viagens.

  • 1:57