Coronavírus

Festejos do 4 de julho estão de regresso aos EUA

O Dia da Independência foi celebrado sem que esteja cumprida a promessa de atingir a imunidade de grupo.

Saiba mais...

Os festejos do Dia da Independência estão de regresso aos Estados Unidos com um apelo deixado por Joe Biden: não existe ato mais patriótico nesta fase do que aderir à vacinação.

Na Austrália, Sydney continua na luta contra o vírus, enquanto na Rússia não se contavam tantas mortes desde o início da pandemia.

Veja também: