Coronavírus

Brasil com 544.180 mortes e mais de 19,4 milhões de casos de covid-19

Washington Alves

O Brasil totalizou 544.180 mortes provocadas pela covid-19 e 19.419.437 casos confirmados da doença, informou o último boletim epidemiológico difundido pelo Ministério da Saúde do país na noite de terça-feira.

Saiba mais...

Segundo o Governo brasileiro, em 24 horas foram notificados 1.424 óbitos e 27.592 novas infecções provocadas pelo vírus SARS-CoV-2.

Nesta terça-feira, o ministro da Saúde do Brasil, Marcelo Queiroga, informou que serão enviadas doses extras de vacinas contra a covid-19 para seis estados brasileiros que fazem fronteira com outros países na América do Sul.

Queiroga destacou que o objetivo do envio das doses extra é criar uma espécie de cordão sanitário e restringir a entrada de novas estirpes do vírus que causa a covid-19 no país.

"É uma estratégia para criar uma espécie de cordão epidemiológico, vacinando a população fronteiriça, para evitar que variantes [estirpes] que venham de outro país possam chegar aqui ao Brasil, e dando uma atenção especial às nossas fronteiras secas", disse Queiroga.

O governo brasileiro também informou o recebimento de um novo lote com mais um milhão de doses da vacina conta a covid-19 por meio do consórcio Covax Facility, da Organização Mundial da Saúde (OMS). Nessa remessa foram entregues vacinas da AstraZeneca que serão distribuídas para os estados e as cidades.

O maior país da América do Sul recebeu mais de 6 milhões de doses da AstraZeneca e 842,4 mil doses do imunizante da Pfizer através desta aliança liderada pela OMS e parceiros.

A pandemia de covid-19 provocou pelo menos 4.100.352 mortos em todo o mundo, entre mais de 190,8 milhões de casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o balanço mais recente da agência France-Presse.

A doença respiratória é provocada pelo coronavírus SARS-CoV-2, detetado no final de 2019 em Wuhan, cidade do centro da China, e atualmente com variantes identificadas em países como o Reino Unido, Índia, África do Sul, Brasil e Peru.



Especial Coronavírus