Coronavírus

Covid-19: testagem não invasiva a alunos do 1.º e 2.º ciclos nos Açores

Processo começa na ilha de São Miguel e prosseguirá na Terceira até final de outubro.

Saiba mais...

Arrancou a testagem à covid-19 em massa as alunos do 1.º e 2.º ciclos da ilha de São Miguel, nos Açores. A colheitas nas escolas deixam de ser feitas pelo nariz e passam a ser por saliva.

De sala em sala, a equipa da Unidade de Saúde da ilha de São Miguel vai explicando o novo processo de testagem aos alunos do 1.º e 2.º ciclos.

Ao substituir o método de colheita nas escolas, que deixa de ser pelo nariz, a adesão é maior.

Para o presidente do Conselho Executivo da primeira escola a ser testada nos Açores, no arranque do ano letivo, esta é uma medida positiva que poderá evitar surtos.

A operação de testagem massiva começa na ilha de São Miguel e prosseguirá na Terceira até ao final de outubro.

Nos Açores, os rastreios não abrangem professores nem funcionários. Aos alunos do 3.º ciclo e secundário que não foram vacinados, será feita uma testagem aleatória.

VEJA MAIS: