Coronavírus

Covid-19: “Temos todas as condições para avançar na retoma da normalidade”

Covid-19: “Temos todas as condições para avançar na retoma da normalidade”

Especialista defende que medidas como o uso obrigatório de máscara devem cair em breve.

Miguel Prudêncio, investigador do Instituto de Medicina Molecular, considera que Portugal está numa “situação privilegiada” para poder avançar com a retoma da normalidade e a forma como se encara a pandemia. 

Em entrevista à SIC Notícias, o especialista afirmou que, perante a elevada taxa de vacinação e imunidade da população, o percurso para retomar a normalidade deve acontecer “com alguma rapidez”

Aponta que a prioridade deve ser a normalização do percurso escolar das crianças, que continuam a estar sujeitas a períodos de isolamento quando um coabitante testa positivo, mas que devem cair também medidas como o uso obrigatório de máscara e a lotação de certos espaços

“Este vírus não vai desaparecer e vamos ter que conviver com ele como convivemos com outros vírus respiratórios sazonais. A generalidade da população deve retomar a normalidade brevemente, e devem haver medidas específicas para aqueles com quem o convívio é mais arriscado”, defende. 

Sobre o contacto com grupos de risco, aconselha que se devem manter precauções, como a testagem e uso de máscara. 

“Se estou constipado, estou com febre, não me estou a sentir bem e vou estar em contacto com alguém de risco, devo usar máscara. Independentemente de ser covid ou outro vírus respiratório. Se sei que estou com sintomas, se vou estar em contacto com uma pessoa vulnerável, devo tomar algumas precauções”, sugere. 

Apesar disso, acredita que Portugal está numa fase em que deve começar a ser mudada a forma como se encara a pandemia.  

“Perante uma variante menos grave, temos todas as condições para avançar na retoma da normalidade”, afirma. 

Últimas Notícias
Mais Vistos