Crise Climática

Cimeira do Clima prolongada

Presidência da cimeira diz que não terminam negociações até haver acordo sobre todos os pontos, sendo o mais complicado o mercado das emissões de carbono.

Sem acordo sobre vários pontos em discussão, continua hoje a Cimeira do Clima das Nações Unidas, em Madrid.

O encontro, que junta representantes de 195 países, deveria ter terminado ontem ao final da tarde, mas prolongou-se para hoje.

Ficou por estabelecer uma nova meta para a redução de emissões de gases na atmosfera.

Estão pendentes questões relacionadas com o artigo sexto do acordo de Paris, que já ficaram pendentes da cimeira do ano passado, e que podem voltar a ser adiadas.