Crise nos combustíveis

Motoristas cumprem hoje o 4.º dia de greve

ANTÓNIO COTRIM

Os serviços mínimos estão a ser cumpridos, de acordo com o sindicato.

Os camiões de transporte de matérias perigosas estão hoje a sair com normalidade da Companhia Logística de Combustíveis (CLC), em Aveiras de Cima, Lisboa, e segundo um sindicato dos motoristas os serviços mínimos estão a ser cumpridos.

De acordo com os motoristas concentrados junto à empresa "os serviços mínimos estão a ser cumpridos, apesar de ser feriado", tal como testemunhou o repórter da SIC, André Palma.


O mesmo acontece em Leça da Palmeira, como conta a jornalista da SIC, Susana Bastos.

Os motoristas de transportes de matérias perigosas e de mercadorias cumprem hoje o quarto dia de uma greve por tempo indeterminado, que levou o Governo a decretar uma requisição civil na segunda-feira à tarde, alegando incumprimento dos serviços mínimos.


A greve foi convocada pelo Sindicato Nacional de Motoristas de Matérias Perigosas (SNMMP) e pelo Sindicato Independente dos Motoristas de Mercadorias (SIMM), com o objetivo de reivindicar junto da Associação Nacional de Transportadores Públicos Rodoviários de Mercadorias (Antram) o cumprimento do acordo assinado em maio, que prevê uma progressão salarial.


  • Saiba quais são os medicamentos que contêm ranitidina
    0:53