Crise nos combustíveis

"Não há margem de manobra para ir além daquilo que já foi acordado com os sindicatos"

Porta-voz da Antram explica as razões pelas quais não foi possível chegar a um acordo com o Sindicato de Motoristas de Matérias Perigosas. 

As negociações entre o Sindicato dos Motoristas de Matérias Perigosas e a Antram falharam, mais uma vez, e a greve vai continuar. Depois de mais de 10 horas de reunião, mediada pelo Goveno, as duas parte não chegaram a um acordo.

A ANTRAM diz que não pode aumentar mais a proposta, caso contrário as empresas correm graves riscos.

  • 2:34
  • 49:03