Crise nos combustíveis

“ANTRAM não quis evitar uma possível greve por 50 euros”

“ANTRAM não quis evitar uma possível greve por 50 euros”

Pedro Pardal Henriques anuncia esta quarta-feira novas formas de luta.

À saída da reunião no Ministério das Infraestruturas, Pedro Pardal Henriques, do sindicato dos motoristas de matérias perigosas, explicou que a “única coisa” que foi pedida à ANTRAM foi que os trabalhadores sejam valorizados e recebem pelo trabalho que fazem, referindo-se ao pagamento das horas extraordinárias.

Critica a posição dos patrões, que se dizem disponíveis para negociar, mas que não aceitam “condições à partida”.

Quarta-feira o sindicato informará as novas formas de luta em resposta à falha de uma mediação.