Crise na Venezuela

Não há portugueses envolvidos em atos de violência na Venezuela

Não há portugueses envolvidos em atos de violência na Venezuela

A garantia dada pelo secretário de Estado das Comunidades Portuguesas.

O secretário de Estado das Comunidades Portuguesas apela a que os portugueses com dificuldades em comunicar com as famílias entrem em contacto com a embaixada e o movimento associativo português na Venezuela.

José Luís Carneiro diz que tem sido mantido o contacto com a comunidade portuguesa durante todo o dia e que, até agora, não há portugueses envolvidos em atos de violência.