Crise na Venezuela

"O fim definitivo da usurpação começa hoje. Contamos com o povo da Venezuela hoje"

"O fim definitivo da usurpação começa hoje. Contamos com o povo da Venezuela hoje"

Eram 7h00 locais, 12h00 em Lisboa quando o autoproclamado Presidente interino fez o anúncio no Twitter.

"O 01 de maio, o fim definitivo de usurpação começou hoje", disse Guaidó num vídeo publicado na sua conta na rede social Twitter, no qual se pode ver o Presidente interino com um grupo de soldados na base de La Carlota, a leste de Caracas.

"São muitos os militares. A família militar de uma vez (por todas) deu o passo. A todos aqueles que estão a ouvir-nos: é o momento, o momento é agora, não só de calma, mas de coragem e sanidade para que chegue a sanidade à Venezuela. Deus os abençoe, estamos a avançar. Vamos recuperar a democracia e a liberdade na Venezuela".

"Contamos com o povo da Venezuela de hoje, as forças armadas estão claramente do lado das pessoas, estão do lado da Constituição, leais ao povo da Venezuela, às suas famílias, ao futuro, ao progresso".