Europeias 2019

Rio tocou bateria em Esposende, Rangel dançou o vira em Arcos de Valdevez

Rio tocou bateria em Esposende, Rangel dançou o vira em Arcos de Valdevez

O cabeça de lista social-democrata diz que todo o voto fora do PSD é inútil.

Paulo Rangel apela ao voto útil no PSD para derrotar António Costa. No Minho, o cabeça de lista contou com o apoio de Rui Rio que tocou bateria.

  • De potência nacional a problema ambiental
    13:27
  • Mário Soares disse “É atirá-los aos tubarões”?
    1:44
  • O 11.º episódio do "Polígrafo SIC"
    20:14
  • Pobreza e exclusão social é o tema do próximo "E Se Fosse Consigo?"
    2:39