Europeias 2019

Projeções dão vitória inesperada aos Trabalhistas na Holanda

Eva Plevier

Os primeiros resultados das eleições europeias.

As sondagens à boca das urnas apontam para uma inesperada vitória dos Trabalhistas na Holanda nas eleições para o Parlamento Europeu (PE) realizadas hoje na Holanda, informam as agências noticiosas.

Segundo as primeiras estimativas do instituto de estudos de opinião Ipsos, o voto dos eleitores holandeses está muito fragmentado, mas os Trabalhistas deverão ficar com cinco dos 26 lugares que a Holanda elege.

De acordo com o Ipsos, em segundo lugar deverão ficar o Partido Popular para a Liberdade e a Democracia (VVD, liberal), do primeiro-ministro, Mark Rute, que obtém quatro lugares, mais um do que na anterior eleição para o PE.

Dois partidos populistas elegem um total de quatro lugares: o recentemente formado Fórum pela Democracia (FvD), liderado por Thierry Baudet ganha três lugares, e o islamofóbico Partido da Liberdade elege um eurodeputado.

O processo de eleição dos 751 deputados do Parlamento Europeu para a legislatura 2019-2024 arrancou hoje na Holanda e no Reino Unido, os dois primeiros países a votar num calendário que se estende até domingo.

Cerca de 400 milhões de cidadãos europeus estão inscritos para votar até 26 de maio e para escolher os seus representantes no próximo PE, com Portugal a eleger 21 eurodeputados.

Com Lusa