Europeias 2019

O que dizem os líderes partidários e cabeças de lista na hora de ir votar

"Hoje somos todos iguais no exercício do poder"

Europeias 2019

"Hoje somos todos iguais no exercício do poder"

  1. 0:33

    "Hoje somos todos iguais no exercício do poder"

  2. 0:20

    "Votem pela Europa e pela democracia" 

  3. 0:24

    "A abstenção é uma derrota para o país"

  4. 0:29

    Estas eleições são "decisivas para o quotidiano" dos portugueses e dos europeus

  5. 0:17

    "Espero que tenha sido uma campanha esclarecedora"

  6. 0:25

    "Deixar a uma pequena minoria as decisões sobre a nossa vida coletiva é um erro"

  7. 0:26

    "É tempo das pessoas tomarem o futuro nas suas mãos e não deixarem nas mãos de outros"

  8. 0:50

    "Temos de ter força para levar as nossas preocupações a Bruxelas"

  9. 0:13

    "Devemos dar sinais de redução da abstenção"

  10. 0:32

    "Vamos discutir a Europa no que ela tem de verdadeiramente importante" 

  11. 0:07

    "Aquilo que temos apelado é que, acima de tudo, as pessoas participem nestas eleições"

  12. 0:40

    Líder do PAN espera que a abstenção seja "mais reduzida do que há cinco anos"

  13. 0:35

    Paulo Sande do partido Aliança confiante que portugueses vão votar

O apelo ao voto é a tónica dominante em todas as declarações que pode ver e ouvir aqui.

A líder do CDS-PP, Assunção Cristas, foi a primeira líder partidária a votar esta manhã, em Oeiras. António Costa, secretário-geral do PS, votou a meio da manhã numa escola no bairro lisbeta de Benfica.

As assembleias de voto para eleger os deputados ao Parlamento Europeu abriram hoje, às 08:00, em Portugal continental e na Madeira, e funcionam sem interrupção até às 19:00.

Nos Açores, a votação também se realiza entre as 08:00 e as 19:00 locais (09:00 e 20:00 de Lisboa, devido à diferença horária de 60 minutos).

Em Portugal, estão recenseados cerca de 10,7 milhões de eleitores para a votação de hoje, mais de um milhão do que na anterior eleição para o Parlamento Europeu, em maio de 2014.

Cerca de 400 milhões de eleitores dos 28 países da União Europeia elegem os 751 lugares do Parlamento Europeu, Portugal elege 21 deputados. Em Portugal concorrem 17 forças políticas, mais uma do que em 2014.