Eleições nos EUA

Eleições nos EUA. Democratas e republicanos trocam acusações em protestos

Autoridades preparam-se para um aumento de tensão nos próximos dias.

Os protestos mantêm-se nos Estados Unidos, sem violência, três dias depois das eleições presidenciais.

Em Filadélfia, dois homens foram detidos por suspeitas de planearem um ataque contra um centro de contagem de votos.

Apoiantes de Trump falam em fraude eleitoral e pedem contagem total no estado do Arizona. Em Detroit, no Michigan, os protestos começaram ainda de dia. Republicanos e democratas trocaram argumentos.

Já em Las Vegas, os protestos intensificaram-se quando um apoiante de Donald Trump interrompeu uma conferência de imprensa sobre o processo eleitoral.

Ao contrário das previsões oficiais, os protestos têm sido quase sempre pacíficos. No entanto, com republicanos e democratas a marcarem manifestações para os próximos dias, a polícia prepara-se para um aumento de tensão.

Veja também:

  • Dentro do coração
    4:23

    Futuro Hoje

    Há 7 anos no Futuro Hoje mostrámos pela primeira vez um pacemaker que se instala dentro do coração. Em Portugal há muitas pessoas a quem este aparelho salvou a vida. Só o Dr. Diogo Cavaco, cardiologista que introduziu esta técnica no país, já instalou mais de cem aparelhos destes.