Escândalo Volkswagen

Volkswagen paga 2,6 mil milhões de euros por emissões poluentes nos EUA

Larry Downing

O fabricante automóvel alemão Volkswagen foi condenado a pagar 2,8 mil milhões de dólares (2,6 mil milhões de euros) nos Estados Unidos pela manipulação de emissões poluentes nos veículos com motores diesel.

A sentença foi divulgada esta sexta-feira pelo juiz Sean Cox, depois de a Volkswagen e o Departamento de Justiça norte-americano terem mantido negociações que culminaram num acordo que já previa esta sanção.

No início de março, o construtor automóvel declarou-se culpado, num tribunal de Detroit, de conspirar para defraudar milhares de pessoas nos Estados Unidos com a manipulação das emissões poluentes nos veículos com motores diesel.

A declaração de culpabilidade da VW fazia parte do acordo que o grupo alemão alcançou em janeiro com as autoridades norte-americanas para resolver o caso que afetou quase 600 mil veículos com um dispositivo para manipular as emissões poluentes realmente produzidas.

A VW terá ainda de pagar 1,5 mil milhões de dólares (1,4 mil milhões de euros) por importação e venda nos Estados Unidos de veículos manipulados e por fraude aduaneira.

Lusa

  • Estado de emergência prolongado. Mais de mil mortos nos EUA em 24 horas

    Coronavírus

    O estado de emergência em Portugal foi prolongado por mais 15 dias. O Presidente da República considera que o país está a enfrentar o "maior desafio dos últimos 45 anos". Os Estados Unidos registaram 1.169 mortes por Covid-19 nas últimas 24 horas, um máximo diário a nível mundial. O número total de óbitos no país é de quase 6 mil. Portugal regista 209 mortes e 9.034 casos. Siga aqui ao minuto as últimas informações sobre a pandemia.

    Direto

    SIC Notícias