UEFA Euro 2020

Euro2020. Soares Dias diz que nomeação é "reconhecimento da arbitragem portuguesa"

JOSE COELHO / POOL

Soares Dias vai ser um dos árbitros no campeonato europeu de futebol

O árbitro português Artur Soares Dias considera que a nomeação para marcar presença no Euro2020 de futebol é o "reconhecimento do trabalho e do desempenho desenvolvido pela arbitragem" lusa, mas fala também num "sentimento de responsabilidade".

A caminho da sexta fase final de grandes competições, o árbitro da associação do Porto, de 41 anos e internacional desde 2010, rejeita que este seja o ponto alto da carreira, mas sim, mais um.

"É, sem dúvida, um ponto alto de 25 anos de carreira, em conjunto com tantos outros momentos na representação do nosso país além-fronteiras. É o reconhecimento do trabalho, do desempenho desenvolvido pela arbitragem portuguesa e, sem dúvida, um momento especial para mim e para a minha equipa", disse à agência Lusa Soares Dias, que é um dos 18 árbitros designados para dirigir encontros da fase final.

Sem querer traçar uma meta para o torneio, o árbitro luso frisa que a "ambição é somente representar Portugal e a arbitragem da melhor forma, com concentração, rigor e responsabilidade".

Apesar de se manifestar imensamente orgulhoso, o sentimento de responsabilidade é tão ou mais importante, tendo em conta o "regresso da arbitragem portuguesa às grandes competições internacionais, com desafios especiais e vontade de que tudo corra bem".

"O orgulho é imenso, mas anda de mãos dadas com o sentimento de responsabilidade, considerando o regresso da arbitragem portuguesa às grandes competições internacionais. Foco no trabalho, concentração e manter os pés no chão são os cardeais que nos vão nortear durante a presença no Campeonato da Europa", apontou.

Sendo o Europeu uma das provas mais importantes da modalidade, a "preparação é a mesma para todos os desafios", segundo Soares Dias, uma vez que "grandes palcos e grandes competições só se atingem depois de muitos jogos, onde todos contam para se conseguir atingir este tipo de competições".

Ao longo da carreira, Soares Dias participou nos Mundiais de sub-20 e sub-17, em 2015 e 2017, respetivamente, na Taça das Confederações e no Mundial de Clubes, também em 2017, e esteve presente no Mundial de 2018, no qual desempenhou a função de videoárbitro (VAR).

No torneio em que a seleção portuguesa irá defender o título conquistado em 2016 e que se realiza, pela primeira vez, em 11 cidades de 11 países, após ser adiado para 2021, devido à pandemia de covid-19, Soares Dias será acompanhado pelos assistentes Rui Licínio e Paulo Soares.

O árbitro João Pinheiro também faz parte das escolhas da UEFA para esta competição, tendo sido nomeado para as funções de VAR.

Promovido à categoria de Elite em maio de 2018, o juiz portuense, ainda não apitou uma final de uma grande prova, quer de clubes quer de seleções, e vai este ano, após concluída a participação no Euro2020, seguir para os Jogos Olímpicos Tóquio2020, no qual será um dos oito árbitros europeus nomeados pela FIFA para o torneio de futebol.

Os grupos do Euro 2020