George Floyd

Equipa de reportagem da CNN detida em Minneapolis

Momento da detenção foi transmitido em direto.

Na última madrugada, a polícia prendeu uma equipa de reportagem da CNN que cobria os protestos na cidade de Minneapolis, nos Estados Unidos.

A detenção foi transmitida em direto na CNN, cerca das 5h00 da madrugada (hora local, 11h00 em Lisboa).

Além do jornalista Omar Jimenez, foram detidos o produtor e um repórter fotográfico. A CNN informou mais tarde que a equipa foi entretanto libertada pelas autoridades.

Esquadras incendiadas e lojas saqueadas: mais uma noite de caos em Minneapolis

Em Minneapolis, a população está a protestar pela morte de George Floyd há quatro dias consecutivos e esta quinta-feira à noite, uma esquadra da polícia foi incendiada pelos manifestantes.

Os protestos começaram de forma pacífica, mas rapidamente tomaram proporções inesperadas.

Os manifestantes exigem a detenção dos polícias envovidos na morte do afro-americano, que ocorreu na noite de segunda-feira, na cidade de Minneapolis.

O incidente foi captado em vídeo pelos transeuntes e difundido nas redes sociais e mostra a vítima, detida e algemada, a pedir ajuda por várias vezes e a repetir que não conseguia respirar, com o joelho de um dos agentes a pressionar o seu pescoço.

As autoridades norte-americanas estão a investigar o caso.