Guerra Rússia-Ucrânia

Rússia constrói fortificações na península da Crimeia

Rússia constrói fortificações na península da Crimeia

A decisão ocorre na sequência da contra ofensiva das Forças Armadas de Kiev na região de Kherson.

A Rússia anunciou esta sexta-feira que está a construir fortificações na península da Crimeia, invadida em 2014, na sequência da ofensiva ucraniana na região Kherson.

“Os trabalhos de fortificação estão a ser realizados e controlados por mim, no território da Crimeia, para garantir a segurança dos habitantes (da Península da Crimeia)”, disse Serguei Akasionov, governador instalado por Moscovo na região ucraniana invadida e anexada por Moscovo em 2014.

A decisão das autoridades locais, controladas por Moscovo, ocorre na sequência da contra ofensiva das Forças Armadas de Kiev na região de Kherson, vizinha da Península da Crimeia.

Loading...

Kherson: a entrada para a Crimeia que tanto interessa a Moscovo

Kherson tem uma importância simbólica e estratégica, uma vez que foi a única capital de região que as forças russas conseguiram tomar desde o inicio da invasão, em fevereiro. Ao recuperar Kherson, a Ucrânia está cada vez mais perto da península da Crimeia, anexada pela Rússia há oito anos

Loading...

Nos primeiros dias da invasão em larga escala, vários mísseis atacaram a região. Logo a seguir, soldados russos entram nas ruas de Kherson e tomaram o edifício administrativo. Ainda que a presença militar seja constante, a população não se deixou ficar e encheu a cidade com bandeiras ucranianas.

A repressão aumentou e as vozes dissonantes acabaram por se calar. A cidade tornou-se num trunfo do Kremlin: é a única capital de região que as forças russas conseguiram tomar desde 24 de fevereiro. É importante, simbolicamente. Estrategicamente, é valiosa pelo seu posicionamento.

A região de Kherson é a porta de entrada para a Crimeia. A recuperação deste território aproxima a Ucrânia da península anexada por Moscovo em 2014. Além disso, corta a logística das tropas de Moscovo, que tinham uma ligação terrestre entre a Crimeia e a Rússia.

A ligação ao mar negro é outra das vantagens do domínio de Kherson.

A região foi uma das quatro que foram anexada a 30 de setembro por Vladimir Putin, depois da realização de referendos considerados ilegais pela comunidade internacional.

Últimas Notícias
Mais Vistos