I Liga

Desportivo de Chaves quer "fazer história" em Alvalade

Desportivo de Chaves quer "fazer história" em Alvalade
Gualter Fatia
Treinador dos transmontanos está ciente das “dificuldades” mas ambiciona vencer o Sporting.

O treinador do Desportivo de Chaves disse, esta sexta-feira, que está ciente das “dificuldades” que vai encontrar, mas quer “fazer história” em Alvalade e somar o primeiro triunfo para a I Liga portuguesa de futebol frente ao Sporting.

“Como é óbvio vamos defrontar um adversário do valor do Sporting. É certo que o Chaves nunca ganhou em Alvalade e, por isso, é ainda um fator maior de motivação para nós. Queremos fazer história”, reiterou Vítor Campelos na conferência de imprensa de antevisão à visita ao Sporting, no sábado, a partir das 20:30, para a quarta jornada do principal escalão do futebol português.

Campelos espera “muitas dificuldades”, mas garantiu que a sua equipa também quer mostrar o seu valor em Alvalade.

Ainda que sem o capitão João Teixeira disponível, por castigo, devido a expulsão no último jogo frente ao Vizela (1-1), e sem revelar lista de convocados, o treinador frisou que tem “todo o plantel disponível” e que acredita no trabalho dos seus jogadores, “independentemente de quem joga”.

“As equipas grandes, muitas das vezes, dão grande ênfase quando falta alguma pedra basilar na sua equipa. A nós acontece o mesmo, não temos o [João] Teixeira neste jogo, mas, com toda a certeza, quem vai jogar vai dar uma boa resposta, tem a nossa total confiança e, por isso, tenho a certeza que vai fazer um bom jogo”, vincou.

Questionado sobre a saída de Matheus Nunes dos “leões”, Vítor Campelos referiu que equipas como o Sporting têm muitas soluções disponíveis no plantel.

“O Sporting é sempre o Sporting, um adversário que luta sempre para ser campeão. Independentemente dos jogadores que joguem, tem um plantel recheado de bons jogadores. É uma equipa que tem grande qualidade técnica, forte, quer no jogo interior, quer no ataque à profundidade”, frisou Vítor Campelos.

Na 18.ª deslocação a Alvalade, entre jogos para o campeonato e Taça de Portugal, o clube transmontano viaja para Lisboa com o peso de um histórico de derrotas e empates no reduto do Sporting. Apesar da derrota dos “leões” frente ao FC Porto (0-3), o técnico dos flavienses acredita que os "verdes e brancos" vão "entrar com um onze muito forte no jogo de amanhã [sábado]”.

Como tal, o treinador pede concentração e foco “durante todo o jogo”, para “tentar explorar” aquilo que considera que são “as fragilidades do Sporting”.

“Queremos deixar uma boa imagem, por em campo aquilo que é o nosso modelo de jogo, a nossa identidade, uma equipa que quer ter bola, que quer um jogo ofensivo e fazer tudo para tentar ficar com os três pontos”, concluiu.

O Desportivo de Chaves visita o Sporting, no sábado, a partir das 20:30, no Estádio de Alvalade, em Lisboa, em encontro da quarta jornada da I Liga que será dirigido pelo árbitro André Narciso, da Associação de Futebol de Setúbal.

Últimas Notícias
Mais Vistos