Incêndio na Notre-Dame

"Temos de esperar para ver ainda qual vai ser o grau de destruição"

"Temos de esperar para ver ainda qual vai ser o grau de destruição"

Luís Afonso, professor da Faculdade de Letras de Lisboa e Doutorado em História de Arte, esteve na Edição da Manhã a falar sobre a catedral de Notre-Dame, em Paris.

O incêndio que devastou, ontem, a Catedral de Notre-Dame, um dos edifícios icónicos de Paris e da arte gótica , está praticamente extinto depois de várias horas de combate às chamas. Nove séculos de história estiveram em risco e o Presidente francês, Emmanuel Macron, prometeu que a catedral do século XII será reconstruída. A partir do final da manhã começa uma campanha de recolha de fundos para a reconstrução. Luís Afonso, professor da Faculdade de Letras de Lisboa e Doutorado em História de Arte, esteve na Edição da Manhã.

  • “Este despacho não é sobre casas de banho, é sobre pessoas”
    13:47