Incêndios em Portugal

Bombeiros esperam “janela de oportunidade” no combate às chamas 

Bombeiros esperam “janela de oportunidade” no combate às chamas 
PATRICIA DE MELO MOREIRA
Durante a noite de domingo, três incêndios preocupavam as autoridades.

Os incêndios de Vila Real, Ourém e Alenquer eram os que mais preocupavam as autoridades na noite deste domingo.

Em Vila Real, o vento forte estava a dificultar o combate dos mais de 400 operacionais.

As chamas ameaçaram várias aldeias, obrigaram à evacuação de um restaurante e estiveram muito perto de um posto de combustível. O fumo denso e os poucos pontos de água existentes para reabastecer tornaram ainda mais difícil o combate às chamas.

Loading...

O incêndio de Ourém mobilizava mais de 300 operacionais.

O fogo junto da linha férrea foi dominado, por isso foi restabelecida a circulação de comboios, que esteve cortada durante várias horas.

Loading...

Também em Alenquer, no distrito de Lisboa, mais de 300 bombeiros continuavam no terreno.

A situação já estava mais calma, mas no final da tarde o fogo aproximou-se de habitações. A Proteção Civil espera conseguir dominar este incêndio durante a noite.

Loading...

Uma possível “janela de oportunidade”

"Espera-se que a noite de hoje [domingo] possa trazer uma janela de oportunidade", visto que "no litoral espera-se que a humidade relativa do ar suba, chegando a atingir os 90%, e o vento diminua", adiantou o comandante nacional de Emergência e Proteção Civil, André Fernandes, citado pela Lusa.

Em Vila Real, também se prevê um aumento da humidade relativa do ar, "até aos 70%" e o vento "vai dar tréguas".

No entanto, "será uma noite longa de trabalho nestas três ocorrências", avisou.

"Vamos tentar fazer tudo para dominar o incêndio de Vila Real durante a noite", afirmou, acrescentando que "é expectável que os fogos de Ourém e Alenquer sejam dominados durante a noite".

Portugal em situação de alerta

Loading...

Face às previsões meteorológicas para os próximos dias, que apontam para um agravamento do risco de incêndio rural, o Governo determinou no sábado a declaração da situação de alerta no continente, que vigora entre as 00:00 de sábado e as 23:59 de terça-feira.

De acordo com o comandante nacional de Emergência e Proteção Civil, a situação de alerta "será reavaliada na segunda-feira de manhã em reunião".

A decisão do Governo implica proibições para prevenir incêndios:

  • Proibido circular nas florestas ou caminhos que as atravessam;
  • Proibido fazer qualquer tipo de queimada;
  • Uso de máquinas agrícolas está limitado.
Últimas Notícias
Mais Vistos